Brasil VIP – Passagens Aéreas » Dicas de Viagem » Estação de esqui no Chile preço e dicas de temporadas

Estação de esqui no Chile preço e dicas de temporadas

Esquiar na neve pode ser o sonho de muitas pessoas principalmente do Brasil, que geralmente não veem neve em grandes quantidades como nos países mais frios. Confira os preços para esquiar no Chile.

Os moradores do Brasil podem desfrutar de muitas belezas naturais, do calor característico do território, das praias, rios e cachoeiras, além de toda a disposição ecológica para trilhas, acampamentos e etc. Porém, há algo que com certeza os brasileiros não podem dizer que tem em seu imenso país: muita neve.

Apesar da Região Sul ser agraciada com tempos de neve, o país não possui cadeias montanhosas que cheias de neve que podem ser utilizadas para esquiar. Na verdade, para a maioria dos brasileiros, essas cenas ocorrem apenas nos filmes, devido a grande distância climática entre o Brasil e os países gelados.

Farellones - Chile

Farellones – Chile

Esquiar aqui pertinho

Apesar de parecer coisa de outro continente, é possível sim esquiar aqui mesmo na América do Sul. Alguns países de nosso continente dispõem de clima gelada em algumas regiões, o que possibilita temporadas de neve no inverno.

O Chile é um dos países que, além de contar com temporadas de neve em seu território, ainda dispõe de cadeias montanhosas que são utilizadas para esquiar. Por ser algo que com tempo determinado, a prática do esporte é uma das atividades turísticas mais importantes do país.

Estações de esqui e temporadas

As mais famosas estações de esqui do Chile estão localizadas próximo a cidade de Santiago, o que definitivamente ajuda no acesso a esses complexos esportivos. Nelas é possível ter aulas de esqui, alugar equipamentos para a prática, apreciar vistas belíssimas, se hospedar nos hotéis e se alimentar nos restaurantes disponíveis.

São elas FarellonesEl Colorado, Valle Nevado e La Parva, sendo que dessas a estação mais próxima de Santiago é a de Farellones, cerca de 30 km de distância da capital chilena.

A temporada de neve no Chile dura em base cerca de 3 meses, sempre por volta de julho até setembro. No entanto, é sempre bom ficar atento as previsões do tempo chilenas. Para não ter erro, marque sua viagem para agosto, pois além de encontrar as estações menos cheias, evita a possibilidade de erro.

Preços

Como toda prática “exótica”, esquiar em qualquer lugar do mundo não é algo barato. Os preços são bem salgados e isso vai depender se a pessoa deseja mesmo esquiar. Porém, os que experimentam o esporte dizem que o preço, apesar de salgado vale muito a pena no final do dia.

Para quem nunca esquiou, deve levar em consideração que será necessário alugar tudo antes. Os equipamentos para o esqui, a roupa pra neve, o armário para guardar os pertences e o teleférico para subir a montanha. Se quiser arriscar esquiar sem aulas, pode ser uma boa. Ou não.

O aluguel do equipamento pode chegar a R$ 80,00 ou mais por dia. O Teleférico custa entorno de R$ 120,00 a R$ 140,00. Os armários  para guardar os pertences pessoas podem ser alugados por R$ 8,00 ou R$ 16,00. Se preferir ter aulas antes do percurso, essas custam cerca de R$ 110,00 por pessoa.

A alimentação é bem cara, ao passo que em alguns restaurantes uma refeição para duas pessoas custe cerca de R$ 120,00, dependendo do que for pedido. Ao final, para esquiar um dia inteiro uma pessoa gastaria entorno dos R$ 400,o0. Provavelmente o preço valerá a pena por toda a emoção e experiência adquirida no percurso.

Receba promoções em primeira mão.

Outras Dicas:


Comentários para: Estação de esqui no Chile preço e dicas de temporadas