Brasil VIP – Passagens Aéreas » Dicas de Viagem » Como ir para as Ilhas Malvinas

Como ir para as Ilhas Malvinas

As Ilhas Malvinas, sem dúvidas é o destino apropriado para os apaixonados pela natureza, saiba mais através deste texto.

Ilhas Malvinas, conhecidas também por Ilhas Falkland estão situadas em um território britânico ultramarino, no Atlântico Sul. Seus principais pontos turísticos são as ilhas de corais, lagoas, praias, locais para mergulhos e ilhas resorts. Para quem procura beleza é o melhor lugar a se visitar.

Alguns visitantes dizem que é como observar a vida selvagem sem sair do seu habitat natural. Vários turistas de todas as idades, todos os anos, escolhem as ilhas para férias. Os cruzeiros de Port Stanley, que se localiza na capital das Ilhas Malvinas, estão sempre lotados de turistas.

Atrações na Ilha

Existem diversas atrações nas ilhas, como por exemplo o famoso pôr-do-sol que presenteia seus visitantes com um espetáculo no fim do dia, detalhe: não importa em que época do ano estejamos. Quem adora animais aquáticos, como o golfinho, leões marinhos e também os pássaros que dão um show no céu, não pode deixar de visitar esse lugar. Com um clima temperado, porém friozinho, é importante que você leve casacos quentes.

Quarto No meio do Mar

A temperatura nas Ilhas varia, em média 8 °C a 2 °C no mês de Julho, por ser inverno. É importante saber que as temperaturas abaixam, mas não a menos de -7 °C e nunca chegam a 20 °C. Se você se interessa pelos shows diários que a natureza oferece, esse é o lugar ideal para visitar. O estilo de vida inglês do lugar chama a atenção dos turistas. Numa dessas visitas é possível conhecer o passado, como as guerras entre Inglaterra e Argentina e também a colonização.Ilhas Malvinas

Existe um morro nas Ilhas Malvinas, chamado Kent, tem provavelmente uma das melhores vistas do mundo, quem vai nunca esquece de tirar uma foto dessa beleza natural. As passagens aéreas custam por volta de R$1794 reais. Para chegar até as Ilhas, é recomendável que você contrate uma agência de viagem que organize tudo para você.

Como ir para as Ilhas Malvinas?

As passagens para as ilhas, custam em média de R$ 2982 reais, contudo existem alguns vôos com escalas que saem por até R$ 1317 reais. Todos aqueles que visitam as Ilhas Malvinas, devem apresentar uma passagem de retorno a seu país, acomodação e dinheiro suficiente para se se hospedar nas ilhas. Um cartão de crédito geralmente se faz suficiente como prova. Não são necessários vistos para os cidadãos da Grã Bretanha, Mercosul, Chile, América do Norte e para quase todos os países da União Européia e de comunidade britânica. Na saída das ilhas, uma taxa será cobrada no valor de R$ 60.Você terá de pagá-la no Aeroporto de Mount Pleasant. Por falar nisso, quase todos os vôos internacionais pousam nesse aeroporto, ele também é uma base militar, faz vôos semanais ligando cidades próximas como Santiago, Punta Arenas e Río Gallegos.

Tempo de Viagem

Os vôos duram em média 18 horas e fazem escala na Ilha de Ascenção. Existe também um aeroporto em Stanley, menor e que não faz vôos internacionais. É usado somente para vôos internos nas ilhas. O Aeroporto de Mount Pleasant fica a 56 km de Stanley. Para esse trajeto existe agências que oferecem um serviço translado que custa R$ 41 (por pessoa). Táxis também são uma opção, mas para esses é necessário o agendamento com antecedência.

Por que conhecer as Ilhas Malvinas?

Aqui vai alguns detalhes importantes que você precisa saber antes de  viajar: O NatGeo classificou as Ilhas Malvinas como um dos lugares mais interessantes do mundo. Outro ponto interessante são as ruas, 400 Km de ruas e sem nenhum semáforo.

O lugar comporta cerca de 3.000 habitantes e que curioso, 700 ovelhas, inclusive as moedas vem com a imagem de uma ovelha. Além do mais, você relaxa em praias totalmente desertas, quer dizer, você terá que dividi-las com pinguins apenas. Para quem deseja relaxar e se manter alguns dias em harmonia com a natureza, as Ilhas Malvinas são o melhor destino!

Receba promoções em primeira mão.

Outras Dicas:


Comentários para: Como ir para as Ilhas Malvinas